NOTÍCIAS

Em assembleia no Sindprev/BA categoria decide pela suspensão da Greve

Aconteceu mais uma assembleia com os diretores do sindicato, o comando de greve e a categoria, na última sexta-feira, 25 de setembro, na sede do sindicato, no Espaço Cultural Roque Abreu e no auditório Pedro Castilho, para avaliação das propostas oficializadas pelo governo.


A mesa foi composta pelos diretores da Secretaria de Organização, Edivaldo Santa Rita e Walter Cândido, o diretor da Secretaria de Administração e Finanças, Valdemir Medeiros, o diretor da Secretaria de Assuntos Jurídicos, Ricardo Mendonça, o coordenador do Comando de Greve na Bahia, Ricardo Sampaio e o diretor da CNTSS-CUT, Raimundo Cintra.

Valdemir abriu a assembleia falando do início da greve, que completou mais de 80 dias, e da sua trajetória e conquistas, parabenizando toda a categoria. O diretor informou que haverá assembleia ordinária na próxima sexta-feira, dia 02 de outubro, de 10h as 12h, na sede do sindicato.

Edivaldo Santa Rita falou do dia do Servidor Público, 28 de outubro, na qual o Sindprev/BA fará uma alusão a tudo que passou no período da greve. Logo em seguida Walter leu a ata da última assembleia.
Raimundo Cintra passou os informes nacionais e informou que vários estados já acataram pelo fim da greve, cerca de vinte estados, faltando ainda seis estados, inclusive a Bahia, cabendo o estado aprovar o encerramento da greve.

Evilásio Pereira, representando a FENASPS, informou que não foi possível fechar todos os pontos das propostas do Ministério da Saúde, que infelizmente a greve na saúde não teve força suficiente para exigir do governo, mas ainda assim foi importante para abertura de outras reuniões futuramente. “ Essa greve deixou um legado importante, a união dos servidores”, concluiu ele.

Ricardo Mendonça informou da comemoração dos 70 anos da GEAP, e que será inaugurado um novo balcão de informação a partir do dia 29 de setembro.

Ricardo Sampaio fez a apresentação passo a passo de cada ponto, no slide para todos acompanharem, com destaque e participação da plenária, e ao tirarem suas dúvidas, pudessem analisar os pontos das propostas para tomarem uma decisão pelo encerramento ou não do movimento. Raimundo Cintra fez a leitura em seguida da proposta de acordo do Ministério da Saúde.

Edivaldo Santa Rita colocou em votação a proposta pela suspensão da greve, até o governo assinar o acordo na segunda-feira, dia 28 de setembro, com estado de greve mantido, sendo aprovada por unanimidade pela categoria. Assim os servidores retornariam ao trabalho na terça-feira, dia 29 de setembro.

ASCOM SINDPREV/BA

Post anterior

Descontração total

Próximo post

Sindprev/BA participa da inauguração do novo balcão da GEAP

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário