NOTÍCIAS

Dia da independência da Bahia é dia de lutar por Direitos, pela Democracia e Contra o Golpe!

Fora Temer! A democracia é nossa!

É assim que a Central Única dos Trabalhadores da Bahia marcará presença na festa cívica mais importante da história do calendário baiano: A Independência do nosso povo!

Como todos os anos, a participação da CUT e seus sindicatos filiados demonstra a concentração de esforços para levar a sociedade como os pleitos da classe trabalhadora, independentemente de categorias. São bandeiras, faixas, discursos, protestos e reivindicações conhecidos por todos e este ano queremos muito mais “Direitos, Trabalho e Democracia”.

Além do mote que reivindica os principais anseios dos trabalhadores e trabalhadoras de todo o país, na Bahia, o destaque não é apenas a temática e sim, a capacidade de aglutinação, unidade e sensação de responsabilidade com o projeto CUTista em curso, aliado ao compromisso de fortalecer ainda o projeto que vem sendo desenvolvido nos últimos três anos e comprovadamente tem travado grandes lutas à favor dos trabalhadores do estado. “As bandeiras são as mesmas. As nossas lutas sempre terão o apoio de nossos dirigentes aguerridos e compromissados, e sempre serão sempre travadas até a vitória. Este é o papel das principais lideranças CUTistas aqui na Bahia. O que muda este ano é o sentimento de unidade entre os sindicatos, a vontade de construir de forma coletiva, de avançar”, comemorou, Cedro Silva, presidente da CUT Bahia.

 Ao longo desses anos, na avaliação da CUT Nacional, a Central Baiana tem se transformado em um instrumento de luta importantíssimo com objetivos e ideais bem definidos, avançando nas lutas prioritárias. “Somos muito cobrados por isso, sabemos do nosso papel e ainda temos muito a concretizar. A proposta é fazermos deste ano, um ano de grandes conquistas para trabalhadores de diversas categorias do nosso estado e contaremos com o apoio de todos e todas”, explicou o presidente Cedro Silva.

Como todas os anos, a onda CUTista invadirá as ruas da Lapinha  e seguirá até o Terreiro de Jesus com suas bandeiras em punho, espírito de paz e uma única certeza: 2 de julho é dia de revolução e luta.

Sendo assim, a Central Única dos Trabalhadores já está organizada para abrilhantar a festa.

Porque somos a história, somos fortes, somos CUT.

Fique atento a programação e mobilize suas bases:

Data:02 de julho (Sábado)

Concentração: 07h -  Largo da Soledade

Inicio do Cortejo: 09h- Em direção ao Terreiro de Jesus

Nesse sentido, os sindicatos deverão mobilizar suas bases, levar suas principais bandeiras de lutas e não se esquecer de articular suas ações junto as Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo na Redemocratização e derrubada do Governo Ilegítimo do Michel Temer.

Somos trabalhadores, defendemos a democracia, temos lado!!! A luta é nosso cotidiano e as ruas nosso palco.

Fonte: ASCOM/CUT

Post anterior

Entidades sindicais realizam ato em defesa da GEAP

Próximo post

I Simpósio de Psicopedagogia em Salvador/ SINDPSICOPP-BR

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário