NOTÍCIAS

SINDPREV realiza assembleia geral

Durante o período da manhã (25), na sede do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência (SINDPREV) realizou a Assembleia Geral, com grande presença da categoria e dos diretores da entidade. Os pontos de pautas foram: a) avaliação da Greve Geral (11 de novembro), b) GEAP, c) Informes Jurídicos e informes gerais.

Na mesa de abertura composta pelos diretores Edivaldo Santa Rita e Walter Cândido, da Secretaria de Organização, o diretor Ricardo Mendonça, da Secretaria de Assuntos Jurídicos e a Alindai Santana da Secretaria de Formação, Política e Sindical onde informaram sobre alguns fatos políticos e sua reflexão no Brasil.

A secretária de Formação, Política e Sindical Alindai Santana chama atenção de todos com o desmantelo sociopolítico. “Estamos vivendo um estado de alerta constante, quem paga a conta somos nós trabalhadores, o governo precisa entender que eles nós representam e não devemos ficar passivos, pois o SINDPREV está aqui para ajudar a todos e todas e nós protegermos”, desabafa Alindai.

Com uma analise positiva da Greve Geral, no dia 11 de novembro, o secretário Edvaldo Santa Rita pontua sobre a participação de todos. “Nós entendemos que todas as medidas são danosas, as PEC limitando os gastos públicos, o DIEESE já avisou que os bilhões a menos, vão ser refletido diretamente na Saúde, na Previdências e Educação, a exemplo: ANVISA e Vigilância são os órgãos fundamentais para vida de uma sociedade”, explica Santa Rita, a fiscalização e vigilância terão impactos terríveis, “atualmente sofremos demais com os desmantelos do Governo Temer, ainda querer que nossa geração fique sem qualidade de vida, sem educação, segurança, assistência social e ambiental é simplesmente não valorizar o povo, é não nós respeitar”.

Para Walter Cândido, da Secretaria de Organização, a assembleia é importante para mobilizar a categoria. “É importante esta presente nas assembleias tirar dúvidas e esclarecer sobre tudo, além de direcionar a entidade na defesa dos servidores”, comenta Walter.

O Secretário de Assuntos Jurídicos Ricardo Mendonça informou sobre as mudanças no governo e como prejudica os andamentos. “Não podemos politizar a saúde, salvar vidas não é um jogo, o governo precisa entender do papel e separar a política da saúde imediatamente”, desabafou Ricardo que articula através de uma junta maior a representação nos ministérios Federais e Estaduais sobre as pendências, que ainda faltam serem concluídas em alguns processos.

O secretário pediu que todos fiquem de olho nas datas de recadastramento, para que não haja problemas futuros em alguns dados e comprovações, como enfrentam recentemente. “Estamos com um lote travado, justamente por não conseguir encontrar algumas pessoas e pedimos que você convidem amigos e amigas aposentadas/servidores para virem até o SINDPREV e atualizar seus cadastros para que possamos adiantar esse lote, que está pendente”, explica Ricardo.

Durante a assembleia, os associados comemoraram a informação da saída do então Ministro Geddel Vieira Lima, exonerado do cargo, nesta sexta-feira, 25 de novembro, pela manhã.  Ao final, os servidores tiraram algumas duvidas com o setor jurídico presente na assembleia.

ASCOM SINDPREV/BA Jelber Cedraz

Fotos: Luis Teixeira

Post anterior

“É hora de sacudir e balançar bem vindo à aula de zumba” convida os alunos e alunas, o professor Jhonson.

Próximo post

SINDPREV em Oração

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário