NOTÍCIAS

Sindprev/BA realiza protesto no Dia Nacional do Aposentado

No intuito de protestar contra a Reforma da Previdência e lutar pela manutenção dos direitos dos aposentados e pensionistas, o Sindprev/BA realizou um ato público na manhã de ontem, 24 de janeiro, no Dia Nacional do Aposentado, na Praça da Piedade. A manifestação reforça as problemáticas que o Governo pode trazer com a reforma.

Entre os diretores presentes estavam Walter Cândido, diretor da Secretaria de Organização (representando também a CTB), Maria Almeida, diretora da Secretaria de Aposentados, Alindai Santana, diretora da Secretaria de Formação Política e Sindical, Lucivaldina Brito, diretora da Secretaria de Políticas Sociais, Maria Valdete, diretora da Secretaria de Administração e Finanças, Rita de Cássia, diretora da Secretaria Regional Sertaneja e Marina Gonzalez, diretora adjunta, juntamente com companheiros (as) da base e outras entidades sindicais como Sintsef, Sindiquímica, Sindiferro, Sindvigilantes e a CUT-BA, representada pelo presidente Cedro Silva.

Com cartazes e faixas, o ato marcava a retirada de direitos. O cenário atual da economia, ainda marcado pela crise, com a possibilidade de mudanças para os futuros aposentados revolta a todos pelo prejuízo que pode acarretar na população. “ Bastaria apenas alguns ajustes na Previdência e não uma reforma”, exclama Maria Almeida.

“Se uma pessoa se aposenta mais tarde, como quer o Governo, isso tem impacto para os mais jovens, que contarão com menos vagas de trabalho”, fala indignada Lucivaldina.

A data que é destinada a homenagear os profissionais que se dedicaram a vida inteira ao trabalho, para agora poder usufruir dos benefícios da previdência social, recebendo apenas o que lhe é de direito por todos os anos de serviços prestados, foi marcada em todo o pais por protestos e manifestações – um dia de luto para os aposentados.

“ Como dia nacional de luta em defesa dos aposentados nós temos que defender a manutenção dos direitos adquiridos e lutar contra a Reforma Previdenciária que vem atacar os direitos já conquistados. Precisamos garantir a manutenção dos aposentados, pensionistas e trabalhadores em geral para combater as propostas feitas pelo Governo e garantir o mínimo de dignidade”, falou Walter.

Haverá um debate com o coletivo de aposentado da CUT, no dia 06 de fevereiro, 15:00h, na sede da CUT, para aprofundar s estratégias de luta para a construção de novos projetos em defesa dos aposentados na Bahia.

Nenhum Direito a Menos!

ASCOM SINDPREV/BA

Texto: Priscila Teixeira

Fotos: Luis Teixeira

Post anterior

Sindprev/BA participa de Ato Público dos Aposentados promovido pela FEASAPEEB

Próximo post

Terça do Sindprev/BA contou com análise da Reforma da Previdência

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário