NOTÍCIAS

Nova Greve Geral acontecerá em todo Brasil

A MOBILIZAÇÃO ACONTECERÁ NO PRÓXIMO DIA 30

A Central Única dos Trabalhadores da Bahia informa:

A pressão que realizamos nas ruas está resultando sim nas tomadas de decisões políticas. É hora de avançarmos e juntos realizarmos uma nova GREVE GERAL!

A CUT BA, demais centrais e movimentos sociais fazem uma convocação para vocês trabalhadores (as), sindicalistas, brasileiros (as) vamos todos juntos cruzar os braços no dia 30/06 e realizamos unidos a próxima GREVE GERAL NACIONAL maior que a Greve geral anterior e o Ato político cultural diretas já!

A luta ainda não acabou. Será um momento que dependerá do esforço coletivo e contamos com você na próxima mobilização aqui em Salvador, no próximo dia 30.

Não aceitaremos os despautérios desse governo ilegítimo.

Agora é a hora de fazermos um movimento tão crescente quanto nossa indignação perante os incalculáveis prejuízos impostos pelas retrógradas medidas do governo ilegítimo de Temer, frente a arrogância dele que mesmo com provas de corrupção ativa, teima em continuar como presidente do nosso Brasil! E vamos sim, barrar as reformas que são um retrocesso nas conquistas trabalhistas e sociais.

Já somam mais de 11,4 milhões trabalhadores brasileiros que estão desempregados. O ilegítimo Temer é acusado publicamente de chefiar a maior quadrilha do país. Não ficar assistindo esse nefasto quadro econômico e político! Vamos ser protagonistas de nossa história e realizar a maior manifestação popular que o Brasil já viu!

Vamos parar todas as atividades para que fique claro que NÂO ACEITAMOS essa situação! EXIGIMOS FORA TEMER! ELEIÇÕES DIRETAS JÁ! QUE BARRE AS REFORMAS TRABALHISTAS E DA PREVIDÊNCIA! Nenhum direito a menos!

Na avaliação do presidente da CUT – BA, Cedro Silva a Greve Geral, do dia 28 de abril, o Ocupa Brasília, no dia 24 de maio e o Ato Cultural Político mostraram o quanto o trabalhador (a) brasileiro tem força e resultou muito positivo frente a pressão nos políticos, quadro que só fortalece a disposição para a greve do dia 30 de junho. “A derrota da Reforma Trabalhista na Comissão de Assuntos Sociais no Senado (CAS), Temer cada vez mais acuado, cada dia um ministro de Temer pede demissão, motivado por pressão popular e pelas corrupções que ele próprio pratica. Vamos continuar cada vez mais fortes. Vamos juntos fazer nas ruas, um movimento crescente para que democracia de direitos seja respeitada! O povo brasileiro tem voz e vamos fazer de tudo para mantermos essa voz forte e ativa! Dia 30 é Greve Geral!” destaca Cedro.

Ainda de acordo com Cedro as principais categorias que já confirmaram a participação na greve geral são: rodoviários, petroleiros; químicos servidores públicos federal; estadual e municipal, previdenciários; correios; vigilantes; bancários; metalúrgicos; comerciários; professores; sintel; sindiferro; sindicato dos profissionais em pesquisa; sindiborracha; sindicatos da agricultura familiar; sintercoba; sindalimentação entre muitos outros.

O Chamado para próxima greve, também foi dado pelo Presidente Nacional da CUT, Vagner Freitas, durante encontro da direção da Central, na quinta-feira (22), em São Paulo, quando a entidade reafirmou a disposição para a greve do dia 30 de junho. “Mais uma vez, conclamamos a todos e a todas que, além de paralisarem suas atividades no dia 30 de junho, dedique um pouco do seu tempo e potencialize seus esforços na construção dessa nova Greve Geral. A luta é coletiva, mas a atuação de cada um e cada uma fará a diferença no combate às TEMERosas reformas, na manutenção dos direitos e na restituição da democracia. Será mais um dia para barrar o retrocesso de uma vida inteira”, finaliza.

Dia 30 é greve geral nenhum direito a menos!

Vitória para a classe trabalhadora!

#GreveGeral30Junho #Fora Temer #EleiçõesDiretasJa #NãoAsReformas

Agenda da Greve Geral:

Dia 30/06

Às 6h30 – Manifestação no Iguatemi

Às 15h – Manifestação no Campo Grande

Fonte: ASCOM CUT BA

Post anterior

Gleisi: derrota do governo criou clima para reverter votação da Reforma Trabalhista

Próximo post

Sindprev/BA presente nos 27 anos do INSS

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário