NOTÍCIAS

SINDPREV-BA participa ato político e cultural

Centrais sindicais, movimentos sociais e a Frente Brasil Popular juntamente com artistas baianos promoveram no dia (30), em Salvador, um ato político e cultural pela saída do presidente ilegítimo Michel Temer, pela convocação das diretas já e a volta do ex-presidente Lula. O evento começou às 15h, na Praça de Revolução, no bairro de Periperi, subúrbio de Salvador.

A Praça da Revolução se transformou em um palco de lutas. Reunimos mais uma vez às vozes de protesto pela insatisfação com o governo golpista e emitindo coletivamente; o clamor que representa a maioria dos brasileiros: Fora Temer e Diretas Já! “Vamos mostrar que é o povo que tem que decidir os rumos deste país.” Disse Cedro Silva.

O ato político e cultural já se consolidou como atividade que ganha a cada dia mais repercussão e espaço dentro da sociedade. Estamos na luta para derrubar o golpe, devolver a legalidade democrática e dar continuidade ao projeto de mudança social que transformou o Brasil.

Além da conscientização do cenário político, dos informes atualizados sobre as incertezas e perdas dos direitos trabalhistas, a proposta do evento é instigar a população local a ouvir as vozes que combatem e resistem na luta pela preservação dos direitos trabalhistas. Também confirmaram presença no evento, parlamentares, secretários de estado, vereadores e lideranças políticas e sindicais de todo o estado.

Na busca por democracia de direitos e no enfrentamento real da popularização das informações para a classe trabalhadora atuou na vanguarda de ações e desta vez transformou o domingo, em Periperi em um dia de resistência!

O ato contou com mais de cinco horas de muita música, poesia e teatro. A arte se uniu a luta da conscientização da classe trabalhadora e dessa forma o Fora Temer, Diretas Já! foram fortalecidos para a juventude e trabalhadores dos bairros do Subúrbio.

O grupo Nova Era chegou com seu rap politizado que versa sobre a realidade da periferia agitou o público, fazendo o coro do Fora Temer ecoar mais forte. Além do rap, tivemos o swing do Lazzo Matumbi, Sandra Simões, Ricardo Caiam, Revivals Blues, Pedro de Rosa, Pedrão, MC Feijão e banda O Terreiro que animaram a galera. Além de poesia e a encenação do enterro da justiça brasileira.

Com artistas e políticos de esquerda, sobre o golpe, como o ilegítimo golpista Temer tenta acabar com os diretos dos (as) trabalhadores (as) e o momento da política atual, tudo isso acessível a todos na praça. O discurso que fazemos no centro também chega para quem está nos bairros populares.

Para fortalecer o ato estiveram presentes o deputado federal (PT), Robson Almeida; a secretária do Trabalho Emprego Renda e Esporte, Olivia Santana; a deputada federal (PCdoB), Alice Portugal; o deputado estadual (PT), Bira Coroa e a vereadora Marta Rodrigues (PT).

Rita de Cássia, diretora do SINDPREV-BA esteve presente no ato e declarou, “a luta não pode parar!”.

Segundo a CUT-BA, a próxima parada da caravana nos bairros com atos políticos culturais será em Cajazeiras!

ASCOM SINDPREV/BA

Texto: Diretoria Colegiada

Fotos: Luis Teixeira

Post anterior

Aulão de informática na Terça do Serviço Social

Próximo post

SINDPREV-BA na 1°Conferência Estadual de Saúde das Mulheres da Bahia

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário