NOTÍCIAS

Terça Social promove oficina para uso de smartphone, internet e aplicativos

A atividade na tarde da Terça Social do Sindprev/BA de hoje (08) contou com uma oficina voltada para o uso do aparelho celular nas redes sociais, com o mediador Isaque Galvão, no auditório da sede, Pedro Castilho.

O objetivo é a facilidade, interação e aprendizado para aqueles que estão se conectando, principalmente a inserção de pessoas idosas no meio digital, que está cada dia mais comum, e que por sinal traz muitos resultados positivos.

Dentro do Projeto Qualidade de Vida Sindprev/BA – Afoshaclass/BA, em parceria com o Serviço Social do sindicato, as aulas para ensinar as atividades tecnológicas têm enchido cada vez mais o auditório – tudo para terem suas dúvidas tiradas de como mexer no celular, de como utilizar o WhatsApp, baixar aplicativos de mobilidade urbana (como Uber, 99 Taxis e Mobi), além de saber usar as ferramentas que o aparelho oferece, entre outros aplicativos.

Em seguida houve também uma palestra dada pelas assistentes sociais Alaise Santos e Joselice Ana Oliveira tendo como tema Regras de Convivência para o uso do WhatsApp.  “Regras de etiqueta também se faz necessário no meio digital. Esse aplicativo realmente facilita a vida das pessoas, mas ninguém é obrigado a responder à mensagem assim que ler”, disse Joselice. “É importante respeitar o horário de se mandar as mensagens, o assunto, evitar discussão em grupo, de forma alguma repassar corrente, ser discreto para não constranger outros integrantes do grupo, para não se tornar inconveniente”, concluiu ela.

De acordo com Alaise é importante se preocupar com a qualidade e a segurança da informação. ” O cuidado com a reprodução da informação é essencial, pois nem tudo que circula na internet é verídico”, afirmou a assistente social.

E com mais dicas e orientações de como utilizar o “zap-zap” a tarde passou rápido e deixou gostinho de quero mais.  Haverá ainda outras oficinas para ajudar na dificuldade do manuseio do celular, tornando-o útil, divertido e estimulante.

ASCOM SINDPREV/BA

Texto: Priscila Teixeira

Fotos: Luis Teixeira

Post anterior

Sonegação e inadimplência equivalem a um terço do ‘deficit’ da Previdência

Próximo post

União estuda contratar por tempo determinado

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário