NOTÍCIAS

Após pressão dos trabalhadores, governo mantém Serviço Social na nova estrutura do INSS

Por meio da Portaria n° 414, de 28 de setembro de 2017, o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDSA) manteve o Serviço Social na nova estrutura do INSS, após ser excluído do Regimento Interno.

Tal exclusão revoltou os trabalhadores do INSS, principalmente os assistentes sociais e terapeutas ocupacionais, cujas atividades, fundamentais na concessão de benefícios previdenciários, poderiam ser terceirizadas, segundo a proposta anterior. A pressão dos trabalhadores, por meio de atos, manifestações, abaixo-assinados, reuniões e também pela realização de uma audiência pública na Câmara dos Deputados foi determinante para que o Serviço Social se mantivesse no novo Regimento Interno.

Mas, mal foi publicado, o novo Regimento Interno do INSS já possui divergências. Uma comissão está analisando os itens que podem ser problemáticos para os trabalhadores e depois este parecer será divulgado.

Clique aqui e confira na íntegra da Portaria 414 do MDSA que contém o novo Regimento Interno do INSS.

Fonte: SINDPREV-AL – FENASPS

Post anterior

Coral Cantos e Encantos realiza apresentação na OAB

Próximo post

Sindprev/BA realiza Assembleia no EREBA

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário