NOTÍCIAS

Servidor fica sem base de negociação

O presidente Michel Temer vetou integralmente projeto aprovado pelo Congresso que permitia a negociação coletiva para servidores públicos federais, estaduais e municipais.

O veto foi recomendado pelos Ministério da Justiça e Advocacia- Geral da União, por apresentar “vício de iniciativa”, já que alterações no regime jurídico de servidor público devem ser propostas pelo Executivo. Além disso, Temer alega que a proposta é inconstitucional por invadir a competência de Estados e municípios. Hoje, não há negociação coletiva nas paralisações de servidores – o governo abre uma mesa de negociação, sem regras definidas em lei.

Fonte: Blog do Servidor Público Federal – Jornal de Brasília

Post anterior

Ministro Lewandowski suspende MP que reduz salário de servidores públicos federais

Próximo post

Nota de Falecimento

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário