DESTAQUE

Sindprev/BA realiza primeira Assembleia do ano

Aconteceu na manhã da última sexta-feira (26.01), no auditório Pedro Castilho, na sede do sindicato, a primeira Assembleia Geral do ano, com presença efetiva da categoria e dos diretores do sindicato. A assembleia teve como pauta: Informes Gerais, Lançamento da Campanha Assédio Moral, Fórum Social Mundial 2018 e Ações Judiciais.

A mesa foi composta pelo diretor da Secretaria de Organização, Edivaldo Santa Rita, a diretora da Secretaria de Administração e Finanças, Maria Valdete Magalhães, a diretora adjunta Lúcia Eloy, também representando a CNTSS-CUT, juntamente com Raimundo Cintra. Em um segundo momento o diretor da Secretaria de Assuntos Jurídicos, Ricardo Mendonça se juntou à mesa.

Edivaldo Santa Rita abriu a assembleia falando sobre a campanha que o Sindprev/BA está envolvido juntamente com outras entidades, com servidores públicos estaduais, municipais, contra a Reforma da Previdência, com várias faixas espalhadas em pontos estratégicos para combater e mostrar o quanto os servidores públicos não são a favor dessa reforma. Em seguida o diretor passou os informes gerais e falou sobre o lançamento da campanha que o Sindprev/BA está realizando sobre Assédio Moral no trabalho. “A pressão é grande. Assédio Moral é crime, dá punição, dá cadeia. Não podemos sacrificar os nossos colegas. O Sindprev/BA esta acolhendo qualquer servidor que nos procure para fazer essa queixa com a nossa assistente social que tomará as devidas providências”, falou Santa Rita.

Alaise Santos, assistente social do sindicato, explicou que o assédio é pautado em algo que venha fragilizar o trabalhador. “O Sindprev levanta a bandeira dessa questão pois o assédio moral é algo muito sério, o trabalhador precisa de uma ambiente de trabalho tranquilo. Estamos aqui para dá assistência e orientar a todos, de segunda a quinta, de 9h às 16h, para fazer esse atendimento”, finalizou ela.

Raimundo Cintra reforçou a importância dessa campanha. “Parece que é simples mas não é. A CNTSS tem uma cartilha que fala exatamente disso, de assédio moral. O Governo por exemplo está cometendo assédio moral com os seus servidores, expondo. É necessário respeitar o nosso direito”, disse ele. “Em nome da CNTSS vou pedir mais cartilhas para fazer mais ação nessa campanha tão importante. Quero parabenizar novamente a Direção do Sindprev por essa iniciativa com essa campanha”, concluiu ele.

Maria Almeida, diretora da Secretaria de Aposentados, falou sobre o ato público realizado no dia 24 de janeiro –  Dia Nacional do Aposentado, que ocorreu na Praça da Sé, seguido de uma caminhada até o Fórum Ruy Barbosa, na luta por uma aposentadoria digna e contra a Reforma da Previdência, com a participação de várias associações, Asaprev, Fórum do Idoso  e centrais sindicais.

Luana Saldanha, fisioterapeuta da Clínica do Trabalhador, passou os informes da Fisio Pilates e Estética, falou do horário de funcionamento da Clínica, de segunda a sexta, passou as orientações de ir solicitar no médico o requerimento para realizar a fisioterapia coberto pelo Geap, e informou que abriu novas vagas para o Pilates.

Santa Rita falou ainda do Fórum Social Mundial 2018 (FSM), que acontecerá em Salvador, de 13 a 17 de março, com a participação de pessoas do mundo inteiro para discutir assuntos importantes para a humanidade. “Como o Fórum vai ser aqui em Salvador e centenas de pessoas do mundo inteiro estarão presentes, o mundo todo estará discutindo a Previdência, uma vez que trata-se de uma questão mundial, inclusive estaremos trazendo o senador Paulo Paim para esse debate”, informou o diretor. “ O Sindprev já se inscreveu para esta debatendo isso na tenda da CUT que será montada no evento”, acrescentou ele.

Ricardo Mendonça falou desse ano de 2018 que será muito importante politicamente por ser um ano de processo eleitoral. Falou também do pecúlio da GEAP, na qual todos receberam carta informando a questão dos 25%, e chamou para atenção para antes de assinarem qualquer tipo de documento solicitar o extrato através do 0800 da Geap ou pelo e-mail da previdência para saber os valores.

“Uma novidade boa é o credenciamento de mais um hospital de médio e grande porte, o Hospital da Bahia, na Avenida ACM, que conta com clínica de emergência ortopédica no hospital”, informou Ricardo. Após passar os informes da GEAP, o diretor esclareceu que o aumento de 19%, a partir de 1° de fevereiro, não atinge a categoria porque está sob liminar – o acordo é o máximo de 10%.

Mendonça informou ainda que o judiciário estava em recesso, ou seja, sem movimentação de nenhum dos processos, mas passou informes sobre o Anuênio INSS, que a partir de fevereiro e março, sairá à expedição da RPV precatória, GDATA INSS, e 28%, que já haverá convocação de crédito. Falou também da Lei 13.324, a Opção de Termo de Carreira, na qual será realizado processo individual de aposentadoria para que ninguém tenha prejuízo. Quanto ao PCCS, está em andamento, embora o ministro do TST só retorne a trabalhar a partir de fevereiro.

Edivaldo Santa Rita convocou todos para participar do 8° Grito de carnaval, que acontecerá no dia 08 de fevereiro, quinta-feira, no dia da abertura do carnaval, aonde serão levadas as reivindicações na rua, com faixas durante a tradicional marchinha no centro da cidade, dizendo não a reforma da previdência.

 Ao final da reunião os servidores puderam tirar todas as suas dúvidas. A próxima assembleia ficou marcada para o dia 23 de março, pois em fevereiro não haverá assembleia.

ASCOM SINDPREV/BA

Texto: Priscila Teixeira

Fotos: Cananda Freitas

Post anterior

Reforma trabalhista limita atuação do Poder Judiciário na aplicação da norma

Próximo post

Coral Cantos e Encantos do Sindprev/BA se apresenta no 14º aniversário do Fórum do Idoso

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário