NOTÍCIAS

Câmara mantém veto à negociação coletiva dos servidores

Mais uma vez, os servidores públicos dos 3 entes federados — União, estados e munícipios — veem sua demanda histórica, a negociação coletiva, ser derrotada em votação no Congresso Nacional. A Câmara dos Deputados manteve o veto total (VET 44/17) do presidente Michel Temer (MDB) ao PL 3.831/15 (PLS 397/15).

Em votação nominal pelos deputados, o número de votos favoráveis à derrubada do veto não foi suficiente. Para rejeitá-lo era preciso maioria absoluta dos parlamentares de cada Casa — 41 votos no Senado e 257 votos na Câmara. No Senado, obteve 44; na Câmara, foram 236 contra o veto e 69 a favor.

Fonte: Blog do Servidor Público Federal – DIAP

Post anterior

Dirigente da CNTSS/CUT participa da V Plenária do Fórum Nacional dos trabalhadores do SUAS

Próximo post

Sem reforma da Previdência, trabalhadores adiam aposentadoria; e você?

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário