DESTAQUE

Sindprev/BA presente do 6ª Seminário Unificado de Imprensa Sindical e 4ª Encontro Nacional de Jornalistas Sindicais

Aconteceu em Salvador, no Hotel Vila Velha, no Corredor da Vitória, o 6ª Seminário Unificado de Imprensa Sindical e o 4ª Encontro Nacional de Jornalistas Sindicais, entre os dias 31 de maio e 02 de junho, em parceria com o SINJORBA – Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia, e com o Fórum de Comunicação da Classe Trabalhadora.

Com o tema “Fortalecer a Comunicação Sindical para Enfrentar os Ataques do Capital” o evento contou com uma vasta programação e discutiu temas como a Democratização da Mídia e a Luta pela Neutralidade da Rede, além de tratar de pautas de Raça, Gênero e Movimentos Populares na Comunicação do Movimento Sindical; a importância da Mídia Alternativa na Luta de Classes, Impactos da Reforma Trabalhista na categoria de Jornalista e etc.

O encontro que reuniu dirigentes e jornalistas sindicais de 19 estados do país, contou com a presença do Sindprev/BA nos três dias do evento, representado pelas Diretoras Lucivaldina Brito, Alindai Pereira, Lindinete Nascimento e a Diretora Adjunta Lindalva Maria, e teve como objetivo proporcionar debates, troca de ideias e conhecimentos, diante de tantos desafios que a imprensa sindical vive, implantando ações importantes sobre a comunicação sindical.

Também marcaram presença no encontro a socióloga e ouvidora do Ministério Público da Bahia, Vilma Reis, a presidente da União de Negros pela Igualdade (Unegro), Ângela Guimarães, o jornalista, escritor e professor, Leandro Fortes, a coordenadora do Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC), Maria José Braga, Presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), Claudia Giannotti, a jornalista Renata Mielli, secretária geral do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé e André Santana, Jornalista do Portal Correio Nagô.

#ComunicaçãoSindical

ASCOM SINDPREV/BA

Texto: Priscila Teixeira

Post anterior

Com queda no número de acordos coletivos e reajustes, trabalhadores já sofrem com reforma trabalhista

Próximo post

Sindprev/BA realiza mais uma reunião do Coletivo de Mulheres

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário