NOTÍCIAS

Trabalhadores vão às ruas no dia 7 de setembro gritar por soberania e direitos

Trabalhadores, estudantes e movimentos sociais vão para as ruas de todos os estados brasileiros contra a desigualdade, por democracia, soberania e educação, em defesa da Amazônia, da aposentadoria e direitos

A classe trabalhadora, convocada pela CUT e demais centrais, vai se juntar às mobilizações do 25º Grito dos Excluídos que acontece todos os anos no dia 7 de setembro.  Todos juntos em defesa da vida e por mundo melhor, os atos também vão alertar quanto à insustentabilidade do modelo econômico capitalista. “Este sistema não vale! Lutamos por justiça, direitos e liberdade” é a palavra de ordem.

“Estamos unidos em uma agenda de mobilizações para derrotar este projeto de reforma da Previdência que está tramitando no Senado nas ruas e no Congresso Nacional. Vamos nos somar ao  Grito dos Excluídos porque entendemos que a luta nas ruas também é fundamental”, disse o Secretário-Geral da CUT, Sergio Nobre.

“A CUT e as centrais já estão se organizando para 20 de setembro, em todo o país, um dia de mobilização nacional em defesa da aposentadoria, educação, do patrimônio público, da Amazônia e do emprego”, ressalta Sérgio.

Mapa Interativo

A pauta pelos direitos e por um país mais justo e para todos está unindo e mobilizando brasileiros e brasileiras de todos os cantos do país. Segundo o mapa interativo popular produzido pela Comissão Justiça e Paz, com apoio da CUT, da coordenação nacional do Grito dos Excluídos e várias outras entidades, já estão confirmados atos e mobilizações em 157 cidades, em todas capitais de todos os estados brasileiros no Dia da Independência do Brasil.

Se você quiser participar e precisar saber o local da concentração, horário e ainda confirmar sua participação na página do evento no Facebook do Grito dos Excluídos, é só clicar em cima do nome da sua cidade no pontinho azul do mapa.

Em Salvador, a concentração é às 10h, na praça Campo Grande. De lá, os movimentos social e sindical saem em direção à praça Castro Alves.  Tem mobilizações e atos em várias cidades do interior.

Confira outras localizações interagindo com o mapa: 

Os trabalhadores e as trabalhadoras vão para as ruas defender direitos, protestar contra a reforma da Previdência e a destruição da Amazônia, e também denunciar o governo de Jair Bolsonaro (PSL) que, em oito meses de mandato, nada fez para aquecer a economia e gerar emprego e renda. Muito pelo contrário, tudo que anunciou é prejudicial ao Brasil e aos brasileiros, como a venda de 17 estatais, o ataque aos programas sociais, como o Minha Casa, Minha Vida e o fim das aposentadorias para milhões de pessoas.

Os estudantes, que confirmaram que vão de roupas pretas e rostos pintados de verde-amarelo, vão protestar contra o desmonte da educação pública e contra a destruição da Amazônia. Segundo a União Nacional dos Estudantes (UNE), a ideia é manifestar “luto” em relação às políticas do governo, sem abandonar as cores da bandeira nacional, mas protestando contra fala de Bolsonaro que pediu para todos se vestirem de verde e amarelo no dia 7.

As frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, formadas por mais de 100 movimentos sociais, também estarão nas ruas:

BA Feira de Santana 617.528 Av. Presidente Dultra às 7:30 hs
BA Guanambi 85.797 Concentração na Praça da Pizzzaria Opção (Bairro Alvorada) às 19 hs
BA Ichu 6.311 Informação do secretariado do Grito, em breve os dados serão atualizados
BA Ilhéus 180.213 Informação do secretariado do Grito, em breve os dados serão atualizados
BA Itabuna 219.680 Concentração no Jardim do “o” ás 8:00h
BA Itapetinga 76.184 Rua Macarani
BA Jacobina 84.811 Informação do secretariado do Grito, em breve os dados serão atualizados
BA Porto Seguro 145.431 concentração e Oficina de Cartazes do Grito na Av. Getulio Vargas esquina com 2 de julho às 8 hs
BA Salvador 2.921.087 A concentração é às 10h, na praça Campo Grande. De lá, os movimentos social e sindical saem em direção à praça Castro Alves.
BA Santo Antônio de Jesus 101.548 em frente a FIAT em Santo Antônio de Jesus às 8 hs
BA Senhor do Bonfim 81.330 Informação do secretariado do Grito, em breve os dados serão atualizados
BA Teixeira de Freitas 157.804 Avenida Principal ás 7 hs
BA Ubaitaba 20.813 Informação do secretariado do Grito, em breve os dados serão atualizados
BA Vitória da Conquista 343.230 Avenida Integração das 8 às 12 hs
Post anterior

INSS pode parar em setembro por falta de recursos, diz nota técnica da direção do órgão

Próximo post

Coral Cantos e Encantos do Sindprev/BA se prepara para eventos

sindprevbaorg

sindprevbaorg

Nenhum comentário

Deixe um comentário